Projeto de capacitação dos afegãos desenvolvido pela ABRAGEM

Após o Governo do Afeganistão tomar conhecimento sobre o trabalho que está sendo realizado na Argélia, foi solicitado uma visita da Abragem à cidade de Cabul para conhecer a realidade que se encontra o artesanato mineral deste local.


Afeganistão visita o Brasil

 

Após a visita ao Afeganistão da equipe técnica do Brasil, foi formulada uma visita técnica dos afegãos no Brasil, com visita a diversos locais.
Foi feito convite para que técnicos daquele País participem, em dezembro próximo, do workshop organizado pelo DNPM sobre Marco Legal para a mineração. Na oportunidade a delegação afegã cumpriria amplo programa com visitas a escolas de capacitação, museu de gemas e fabrica de jóias no Brasil. Palestras e reuniões, com ênfase no conhecimento, experiência e desenvolvimento de habilidades poderão fortalecer convicções e amadurecer as possibilidades de cooperação técnica entre os países.

OBJETIVO: Conhecer os trabalhos de mineração e de capacitação desenvolvidos no Brasil.


PARTICIPANTES:



  • Afegãos:

Sra. SOPHIA SWIRE
Sr. ATIQ SEDIQI
Sr. HUMAYOUN NOORI
Sr. MEHRABUDDIN SERAJ
Sr. MOHAMMAD ASIF FROZAN
Sr. HAZRAT YOUSOF YOUSOFI
Sr. MOHAMMAD HUMAYOUN RASHEED
Sr. FARHAD FARYADI
Sr. ABDUL QADIER AKHUNDZADA
Sr. HAFIZULLAH AFZALY
Sr. GHULAM MAHMOOD ANWARI

  • Brasileiros:

1.   João César – Diretor do DNPM/DF
2.      Harilton Carlos de Vasconcelos Sobrinho – Presidente da ABRAGEM
3.      Hiroshi Uyeda – Conselheiro e Consultor da ABRAGEM
4.      Kleber Alencar Damasceno – Consultor da ABRAGEM
5.      Maurício Favacho – Consultor da EMBRARAD
6.      Manoela Almeida Vasconcelos – Interprete da ABC/Itamaraty


HISTÓRICO:
No período acima mencionado, o Ministério das Relações Exteriores, a Agência Brasileira de Cooperação, o DNPM, o MME e a Associação Brasileira de Gemas e Joias receberam a Missão Afegã para dar continuidade às tratativas iniciadas em Afeganistão, compreendendo, no caso específico da ABRAGEM, à capacitação de afegãos no Brasil, em lapidação de gemas preciosas, ourivesaria, fundição industrial e design.
A Agenda de Visitas, em anexo, foi diariamente refeita, diante das circunstâncias e das ocorrências, todavia, sem prejuízo do conteúdo previamente estabelecido. Foram acrescidas visitas à Mina de Ouro da Passagem, em Ouro Preto-MG e à Mina de Esmeraldas da empresa Belmonte, em Itabira-MG.

 


CONCLUSÃO:
Os objetivos foram plenamente alcançados, com a convicção dos afegãos quanto ao acerto de escolha dos parceiros brasileiros e das metodologias e técnicas que serão aplicadas na lapidação de gemas e fabricação de joias com matéria prima afegã, a capacitação será no Brasil. Duas outras propostas relacionadas à mineralogia foram apresentadas: a) pelo Ministério de Minas e Energia do Brasil através do DNPM: parceria para criação de um grupo de estudo do lithium Brasil/Afeganistão, para o futuro  beneficiamento de lithium para fabricação de baterias para carros elétricos; b) pela ABRAGEM: irradiação de gemas afegãs mediante utilização de tecnologia brasileira.
Alicerçaram-se, ainda mais, os laços de amizade entre os dois países.

 

AFEGANISTÃO

AFEGANISTÃO
AFEGANISTÃO

O projeto da ABRAGEM com o Afeganistão visa trazer uma delegação de afegãos para se capacitarem no Brasil.

1/11

Com o Diretor do DNPM e ministro de Minas e Energia do Afesganistão

Em reunião com todo o Ministério de Minas e Energia em Cabul

Na escola de lapidação na Capital do Afeganistão, em Cabul

Em reunião no DNPM do Brasil

Afeganistão